acceso abierto

PREVENÇÃO E COMBATE À CORRUPÇÃO, TRANSPARÊNCIA E ACESSO À INFORMAÇÃO: A PERCEPÇÃO DOS CONSELHEIROS GESTORES DE EDUCAÇÃO DA CIDADE DE VILHENA

  • Alexandre de Freitas Carneiro Universidade Federal de Rondônia http://orcid.org/0000-0003-1910-6043
  • Fernando Nolasco Gonçalves Universidade Federal de Rondônia
  • Sidiney Rodrigues Universidade Federal de Rondônia
  • Francisco Emanoel Silveira Universidade Federal de Rondônia
  • Aline Gaspar Pereira Universidade Federal de Rondônia

Resumen

Este artigo teve por finalidade analisar a percepção dos conselheiros gestores de educação da cidade de Vilhena em relação à prevenção e ao combate à corrupção e à transparência e ao acesso à informação. Como amostra, foram utilizados os conselhos de educação do município. A pesquisa, realizada em duas etapas, caracterizou-se por uma abordagem qualitativa e seus objetivos apresentaram um caráter descritivo. A técnica de pesquisa utilizada foi a aplicação de questionário baseado nas 10 Medidas Contra a Corrupção, propostas pelo Ministério Público Federal (MPF), na Lei da Transparência e na Lei de Acesso à Informação. Os conselheiros possuem alto nível de conhecimento da legislação e, para eles, a população não participa do controle social e não cobra os gestores em relação à transparência das contas públicas.